Enfermeiro, você pode impactar positivamente na vida de um paciente grave!




Em tempos modernos, não é mais novidade dizer que a tecnologia se inova diuturnamente. Quando falamos dos processos de saúde, podemos exemplificar as máquinas que substituem a função renal, que traduzem as atividades cardíacas, que de forma invasiva ou minimamente invasivas monitorizam as funções fisiológicas entre outras... Existem até mesmo máquinas que realizam temporariamente as funções do coração. Em meio a todo este aparato tecnológico, sobram dúvidas e incertezas quanto ao papel do profissional de saúde, o ser humano. Será que de fato estamos preparados para tanta tecnologia? As orientações e treinamentos que recebemos contemplam as reais necessidades do paciente? A tecnologia que traz tanta efetividade, também traz segurança? Sabemos que de fato a ciência invade os ambientes de saúde, e não pede licença. Enquanto gestores, temos observado uma enorme dificuldade na contratação de equipe qualificada e preparada para lidar com a tecnologia, e não falamos apenas destes equipamentos “mirabulosos”. Foi observado pelo nosso time de capacitação, que alguns candidatos possuem dificuldades até mesmo na operação de microcomputadores para edição de textos. Quando falamos de profissionais que podem impactar de forma positiva na vida de um doente grave, fazemos menção á aqueles que dedicam o seu tempo para agregar valor á sua formação através do estudo. Na área de saúde, é necessário que o profissional se capacite se qualifique e mantenha-se atualizado com o que há de mais novo na tecnologia médica. As instituições de saúde possuem papel fundamental nesta qualificação, uma vez que são responsáveis pelo desenvolvimento de seus colaboradores. O gestor de saúde deve entender que quanto mais capacitada for uma equipe, melhores serão os resultados trazidos por estas, menores serão os custos da operação, menores serão os períodos de internação, melhor será a satisfação do time e consequentemente a instituição será conhecida por apresentar resultados satisfatórios na terapêutica. Em suma, profissionais de saúde, instituições de saúde e a indústria devem buscar de forma incessante o aprimoramento e capacitação de suas equipes, e com certeza, quem mais ganhara com isto, será o paciente.

Autor: Willian Carvalho

Superintendente - Cepe Saúde



4 visualizações0 comentário

CONTATO

Sede Administrativa

Avenida Paulista nº 1439  CJ 12 

 

1º Andar São Paulo - SP

CEP: 01311 - 926

contato@cepesaude.com

CNPJ: 26.242.428/0001-34

(11) 3164 - 2104 Emergência  - SP

(31) 2942 - 0391 Emergência  - MG

(11) 3164 - 2104 WhatsApp

  • Facebook Cepe Saúde
  • Twitter Cepe Saúde
  • Instagram Cepe Saúde
  • Blogger Cepe Saúde
  • Linkedin Cepe Saúde
  • You Tube Cepe Saúde